Segunda-feira, 22 de Abril de 2024

Home coronavírus Morre aos 102 anos a primeira pessoa vacinada contra covid no Rio Grande do Sul

Compartilhe esta notícia:

Primeira pessoa contemplada com vacina contra covid no Rio Grande do Sul (em janeiro de 2021), a aposentada Eloína Gonçalves Born faleceu nessa terça-feira (26) em Porto Alegre, aos 102 anos. A causa do óbito não foi informada pelo residencial de idosos onde ela vivia, no bairro Santana.

A anciã – que completaria 103 anos no dia 24 de julho – deixou um filho,  quatro netos e três bisnetos. Os familiares se despediram de Dona Eloína no fim da tarde, com uma cerimônia de cremação no Cemitério São Miguel e Almas.

Quando recebeu a primeira dose do fármaco Coronavac (o único disponível inicialmente no Brasil), ela já morava na instituição geriátrica, aos 99 anos e seis meses. Ao comemorar o seu 100º aniversário, foi homenageada no Palácio Piratini, com direito a recepção pelo governador Eduardo Leite – que depois a visitou no residencial.

A idosa passaria por todas as etapas previstas no cronograma de imunização. “Eu gosto de me vacinar! Quem não fizer vai se arrepender, até porque não dói nada”, brincou em fevereiro de 2023 quando a equipe da Secretaria Municipal da Saúde chegou com a dose bivalente para ela e seus companheiros de instituição. “Desde o início da pandemia, não tive covid e nem me gripei.”

Manifestação oficial

Na tarde dessa terça, o governo gaúcho publicou nas redes sociais texto alusivo à morte de Dona Eloína, junto de uma foto da idosa. Um dos trechos da mensagem trata a homenageada como “um símbolo de esperança durante a pandemia” e que ela “viverá para sempre na memória e no coração dos gaúchos”.

(Marcello Campos)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de coronavírus

Aposta de Pernambuco leva sozinha prêmio de R$ 118,2 milhões da Mega-Sena
Irmãos Wesley e Joesley Batista voltam ao conselho de administração da JBS
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Madrugada