Quarta-feira, 18 de Maio de 2022

Home Mundo Mulher é detida ao fazer saudação nazista em frente a antigo campo de concentração

Compartilhe esta notícia:

Uma turista holandesa foi detida na Polônia por fazer uma saudação nazista no antigo campo de concentração de Auschwitz-Birkenau, segundo a polícia local. A turista, que não foi identificada, foi posteriormente acusada de se envolver em propaganda nazista. Os promotores emitiram uma multa, que ela concordou em pagar.

A mulher disse que o ato foi uma brincadeira de mau gosto. Ela estava posando para uma foto tirada pelo marido na ocasião. Não é a primeira vez que estrangeiros são detidos por promover propaganda nazista na Polônia – uma acusação que pode levar a até dois anos de prisão.

Em 2013, dois estudantes turcos foram condenados a seis meses de prisão e multados por uma saudação nazista semelhante em Auschwitz. A Alemanha nazista construiu o campo de extermínio na cidade de Oswiecim, no Sul da Polônia, depois de invadir e ocupar o país no início da Segunda Guerra Mundial, em 1939.

Em pouco mais de quatro anos e meio, a Alemanha nazista assassinou sistematicamente pelo menos 1,1 milhão de pessoas em Auschwitz. Quase 1 milhão eram judeus. o menos 6 milhões de judeus morreram no Holocausto — a campanha nazista para erradicar a população judaica da Europa. Auschwitz estava no centro desse genocídio.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Banco central da Rússia suspende compras de moedas estrangeiras para reduzir volatilidade
Ministro do Supremo determina que ex-deputado Roberto Jefferson cumpra prisão domiciliar
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa