Terça-feira, 16 de Abril de 2024

Home Flávio Pereira New York Times dá lição à imprensa brasileira e aponta o STF como “potencial ameaça à democracia brasileira”

Compartilhe esta notícia:

A edição desta segunda-feira (26) do jornal New York Times denuncia os abusos cometidos por membros da Suprema corte brasileira, com apoio de grande parte da imprensa e da esquerda. A matéria fez um retrato do desequilíbrio atual de Poderes no Brasil, apontando para a recente expansão de força do Supremo Tribunal Federal como uma potencial ameaça à democracia brasileira.

Para abordar o tema, o jornal norte-americano apresenta o título “Para defender a democracia, a Suprema Corte do Brasil está indo longe demais?” e usa a recente operação contra oito empresários apoiadores do governo para ilustrar a atuação da Suprema Corte brasileira “acima de teóricos princípios democráticos. No caso em questão, a Polícia Federal agiu por determinação do ministro Alexandre de Moraes, com base em conteúdo de um grupo privado de mensagens.”

“Foi uma demonstração crua de força judicial que coroou uma tendência em formação: a Suprema Corte do Brasil expandiu drasticamente seu poder para combater as posições antidemocráticas de Bolsonaro e seus apoiadores”, descreve a reportagem.

O NYT aponta ainda, a preocupação de juristas a respeito de ilegalidades na atuação do STF, mas diz que o ativismo judicial de Moraes e seus colegas de Corte conta com apoio de “líderes políticos de esquerda e grande parte da imprensa”, contra “a ameaça singular representada por Bolsonaro. Muitos juristas dizem que as demonstrações de força de Moraes, sob a bandeira de salvar a democracia, está ameaçando empurrar o país para uma queda antidemocrática”, argumenta o jornal.

Delegados da Polícia Federal denunciam ao MPF suspeição de Alexandre de Moraes

Um grupo de 131 delegados da Polícia Federal aposentados protocolou no Ministério Público Federal queixa-crime contra o ministro Alexandre de Moraes, atual presidente do TSE, e o delegado Fabio Alvarez Shor. O documento pede instauração de inquérito para apurar possíveis crimes de abuso de autoridade e aponta diversos episódios, com destaque para a operação contra empresários. Ontem, o Delegado José Francisco Mallmann, ex-superintendente da Polícia Federal do Rio Grande do Sul, conversou com o colunista, observando que “sou o primeiro nome a assinar a lista dos delegados que apresentaram a notícia crime por abuso de autoridade contra o ministro Alexandre de Moraes e o Delegado Fabio Alvarez Shor”. Na denúncia, há ainda o pedido de suspeição do ministro Alexandre de Moraes, questionando sua permanência na presidência do Tribunal Superior Eleitoral, “por lhe faltar a imparcialidade necessária para o exercício das atribuições inerentes ao cargo, com fulcro no artigo 95, parágrafo único, inciso III, da Constituição Federal”.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Flávio Pereira

Jair Bolsonaro: “Nossa vitória vai desmoralizar os institutos de pesquisa, como fizemos em 2018”
Bolsonaro afirma: “No Rio Grande do Sul, Onyx para o governo e Mourão para o Senado”
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde