Quarta-feira, 24 de Julho de 2024

Home Esporte No último minuto, Itália empata com a Croácia e se classifica para a próxima fase da Eurocopa

Compartilhe esta notícia:

Em um grande duelo em Leipzig, na Red Bull Arena, a Itália conseguiu um empate no último lance contra a Croácia, em 1 a 1, e se classificou para as oitavas de final da competição nesta segunda-feira (24).

O capitão Modric marcou para os croatas, mas Zaccagni, aos 52 minutos da etapa final, fez o gol de empate dos atuais campeões da competição continental, que não só classificou os italianos, como eliminou a Croácia, que tinha a vaga garantida até o último minuto da partida.

O duelo foi intenso do início ao fim, já que as duas seleções jogavam por seu futuro na Alemanha. A Itália chegou para a última rodada em segundo lugar, precisando apenas de um empate para garantir vaga matemática. A Croácia, por sua vez, chegava como lanterna do grupo e só a vitória interessava.

A primeira defesa do jogo foi do capitão italiano Donnarumma, em chutaço de Sucic, logo aos 4 minutos de jogo. A resposta italiana foi aos 20, com cabeçada de Retegui, que, caso não desviasse em Gvardiol, poderia ter o rumo do gol. Depois, quem trabalhou foi o goleiro Livakovic. O zagueiro Bastoni deu cabeçada à queima-roupa e obrigou o arqueiro croata a fazer um milagre. O próprio zagueiro fez questão de aplaudir a intervenção do goleiro.

Num dos momentos mais impactantes desta edição de Eurocopa, a Croácia chegou ao seu gol. Kramaric cruzou de dentro da área e a bola pegou no braço de Bastoni. Após intervenção do VAR aos 7 minutos da segunda etapa, o árbitro Danny Makkelie foi ao vídeo e deu pênalti.

Modric foi para a cobrança. Capitão contra capitão. Donnarumma levou a melhor. O goleiro do PSG voou na bola e fez grande defesa. Na sequência do lance, a Croácia recuperou a bola e o goleiro italiano trabalhou novamente em chute de Budimir dentro da área, operando um milagre, mas o próprio Modric fez o gol no rebote, se redimindo do pênalti perdido.

Com o gol, o craque tornou-se, então, o jogador mais velho a marcar numa Euro, com 38 anos e 289 dias. Naquele momento, a Croácia estava garantindo a classificação, deixando a Itália na terceira colocação. No futebol, no entanto, um jogo só termina quanto, de fato, termina.

Insatisfeito com o resultado e o desempenho da Azzurra, o técnico Luciano Spaletti fez mudanças, tentando a todo custo buscar o empate. E ele saiu apenas no último lance dos acréscimos, aos 52 minutos. O zagueiro Calafiori se lançou ao ataque e tocou para Zaccagni, que chutou com categoria, no ângulo, para fazer um golaço e explodir a arena em Leipzig e deixar a Itália viva na competição.

Classificada, a Itália alcança 4 pontos e já se prepara para a disputa das oitavas de final. A Azzurra, dona da segunda posição do Grupo B, jogará diante da Suíça, no próximo sábado (29), no Estádio Olímpico de Berlim. A Espanha, com 9 pontos, fechou a chave com a liderança e 100% de aproveitamento. Virtualmente eliminada, a Croácia provavelmente encerrou a sua participação no torneio com apenas 2 pontos conquistados, a frente apenas da Albânia, com 1 ponto.

 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Esporte

Estados Unidos: autoridades investigam avião que ficou a apenas 160 metros do chão durante voo
Rússia convoca embaixadora dos EUA e diz que haverá “consequências” após ataque ucraniano na Crimeia
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa