Quarta-feira, 24 de Julho de 2024

Home Porto Alegre Porto Alegre tem 66 casos de leptospirose confirmados em 2024

Compartilhe esta notícia:

Porto Alegre tem 66 casos de leptospirose confirmados em 2024. No total, a vigilância epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde recebeu 1.756 notificações de suspeitas da doença.

Além dos casos confirmados, há 1.418 suspeitas em investigação e 272 foram descartadas. Quatro óbitos foram confirmados entre residentes de Porto Alegre por leptospirose e outros dois seguem em investigação: quatro homens, com idade de 43, 50, 56 e 67 anos. Os óbitos ocorreram nas semanas epidemiológicas 20, 21 e 25. Os quatro residiam em Porto Alegre; três óbitos ocorreram na Capital e um em Lajeado.

A leptospirose é uma doença infecciosa causada por uma bactéria chamada leptospira, presente na urina de ratos e de outros animais. É transmitida por água contaminada e pelo contato com a pele, principalmente se houver algum arranhão ou ferimento.

Sinais e sintomas

A pessoa que apresentar febre, dor de cabeça e dores no corpo (especialmente nas panturrilhas) alguns dias depois de ter tocado água de enchente ou esgoto ou lama de inundações deve procurar imediatamente o serviço de saúde mais próximo.

A leptospirose é uma doença curável, com tratamento e diagnóstico oferecido pelo SUS (Sistema Único de Saúde), mediante a notificação da suspeita para a Vigilância Epidemiológica Municipal.

O diagnóstico e o tratamento precoces são fundamentais para o êxito da recuperação bem como para evitar óbitos relacionados à doença. Os sintomas podem se manifestar em prazo de até 30 dias após a exposição às fontes de contágio.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Porto Alegre

Corpo de bebê é encontrado em lixeira de banheiro feminino, em Canoas
Após vitória no Gre-Nal 442, Eduardo Coudet deverá mexer no Inter para enfrentar o Atlético-MG nesta quarta-feira
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa