Domingo, 22 de Maio de 2022

Home Mundo Reino Unido anuncia plano para encerrar importações de petróleo russo até o fim do ano

Compartilhe esta notícia:

O Reino Unido anunciou, nesta terça-feira (08), um plano para deixar de importar petróleo e derivados da Rússia até o fim de 2022.

O secretário de Energia britânico, Kwasi Kwarteng, afirmou em publicação no Twitter que essa transição dará ao mercado, comerciantes e cadeias de suprimentos o tempo suficiente para substituir suas importações russas. Atualmente, a Rússia representa 8% da demanda de petróleo no Reino Unido, de acordo com o secretário.

O secretário Kwarteng ainda afirma que as empresas devem utilizar este ano para garantir uma transição suave, para que não afete os consumidores. O governo britânico deve trabalhar com empresas em uma força-tarefa para dar apoio na procura de fornecedores alternativos durante este período.

Em relação à importação de gás natural russo, o Reino Unido não é dependente da Rússia nessa questão, disse o secretário. Os russos representam apenas 4% do fornecimento ao Reino Unido, e os britânicos vão explorar opções para também encerrar esta demanda até o fim do ano.

“O Reino Unido é um produtor significativo de petróleo e derivados, além de possuir reservas significativas. Além da Rússia, a grande maioria de nossas importações vem de parceiros confiáveis, como EUA, Holanda e Golfo. Trabalharemos com eles este ano para garantir mais suprimentos”, declarou o secretário Kwarteng.

Estados Unidos proíbem importação de petróleo, gás natural e carvão russos Os Estados Unidos vão banir a importação de petróleo e gás natural da Rússia, anunciou o presidente Joe Biden nesta terça-feira.

Biden afirmou que a medida foi tomada após consultar aliados, como países da União Europeia. Autoridades econômicas da Casa Branca estão envolvidas há mais de uma semana em como administrar o corte dessas importações.

O Departamento de Energia informou que nas últimas duas semanas de fevereiro as importações russas de petróleo caíram para zero quando as empresas americanas cortaram os laços com a Rússia, implementando efetivamente sua própria proibição.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Governador gaúcho Eduardo Leite participa de reunião no Conselho das Américas, nos Estados Unidos
Dupla é presa portando simulacro de fuzil em São Leopoldo, no Vale do Sinos
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa News