Domingo, 14 de Julho de 2024

Home Grêmio Renato Portaluppi elogia atuação do Grêmio diante do Flamengo e pede compreensão com o time: “Atacar é muito fácil, analisar é para poucos”

Compartilhe esta notícia:

O Grêmio foi derrotado pelo Flamengo por 2 a 1 na noite de quinta-feira (13), no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro. Ainda assim, o técnico gremista Renato Portaluppi elogiou a atuação da equipe gaúcha.

Em entrevista coletiva após a partida, Renato disse ter gostado do volume ofensivo do Grêmio, mesmo com as chances não sendo todas aproveitadas.

“Acho que vocês viram outro jogo, começa por aí. A minha equipe esteve muito bem. Criamos. Concordo que a gente não acertou a maioria dos chutes no alvo, mas a equipe poderia ter saído na frente, pelas oportunidades que criamos no primeiro tempo. No final, tomamos o gol, voltamos para o segundo tempo buscando o empate, sabendo que deixaríamos espaço para o contra-ataque”, disse o treinador.

“Não se pode tirar os méritos da atuação do Grêmio. Minha equipe se comportou bem. É sempre ruim correr atrás do adversário, principalmente o Flamengo no Maracanã, mas isso não tira os méritos da minha equipe. Sobre Libertadores, tem muito tempo para pensar ainda”, completou.

O comandante gremista fez um novo desabafo sobre a situação do time estar longe de casa devido à enchente em Porto Alegre, pedindo compreensão e revelando como a diretoria do clube tem feito para manter os atletas próximos de suas famílias.

“Uma das coisas que a gente tem feito é liberado as famílias para viajarem junto com os jogadores, mas nem todo mundo consegue. Esse pessoal sente mais. A gente procura deixá-los à vontade como se estivessem em Porto Alegre. Saem com a família para jantar ou almoçar fora, se distraem. É o que podem fazer nesse momento. Meu grupo está muito bem na parte física, só que tivemos 4 jogos em praticamente 10 ou 11 dias”, afirmou o técnico.

“O desgaste foi muito grande, trocando de Estado, de clima, de hotel em hotel. Isso desgasta o grupo. Chega o momento que o desgaste físico, técnico, das viagens, da saudade dos amigos e da família é difícil. A gente que vive isso diariamente sabe o que está passando, mas não adianta ficar se lamentando. É muito fácil criticar o Grêmio, que não venceu”, seguiu.

“Eu entendo, mas queria que se colocassem no nosso lugar. Para ver o que estamos sofrendo. Atacar e criticar é muito fácil, mas analisar é para poucos. Esses poucos que conseguem ter noção das coisas, pode ter certeza que é diferente. Perdemos para uma grande equipe, mas dei os parabéns à equipe pelo que fez dentro de campo”, finalizou Renato.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Grêmio

Papa diz a comediantes que não há problema em fazer piadas sobre Deus, desde que não sejam ofensivas
Fora de casa, Inter vence Avaí Kindermann por 1 a 0 pelo Brasileirão Feminino
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa News