Sexta-feira, 23 de Fevereiro de 2024

Home Tecnologia Twitter libera selo cinza e permite que empresas identifiquem funcionários

Compartilhe esta notícia:

O Twitter lançou uma nova modalidade do plano de assinatura Blue, porém voltado para empresas. O “Blue for Business” chega como um complemento para o selo dourado atribuído aos perfis corporativos.

As empresas que assinarem o Blue for Business poderão liberar um selo adicional para diferenciar marcas e associá-las aos trabalhadores. A ideia funciona como uma espécie de certificação de que aquele funcionário pertence a uma organização, o que dará a ele mais notoriedade.

Quem trabalhar na empresa destacada, receberá um pequeno crachá ao lado do nome para ser exibido no perfil. Essa insígnia só será liberada pela organização para a qual o dono do perfil trabalha e terá a marca quadrada estampada para diferenciar.

Quando chega o Twitter Blue for Business?

Por enquanto, isso ainda está na fase de testes com algumas empresas selecionadas. Segundo a gerente de produto do Twitter, Esther Crawford, se tudo correr bem, a rede social deve expandir o selo para mais companhias em 2023.

A novidade parece ser um complemento a outro ajuste testado ontem (19) pelo Twitter: a foto de perfil quadrada. Marcas, empresas de mídia e grandes organizações passam a contar com o avatar em formato quadrado, em vez de circular.

Não há detalhes sobre o preço do Blue for Business nem quais serão as vantagens da assinatura, além do destaque visual. O que está certo, segundo Crawford, é que uma empresa poderá vincular todos os seus funcionários, sem restrição de quantidade, à sua conta.

Selo cinza também é lançado

Outra novidade que havia sido prometida no lançamento do selo dourado era a marca cinza para identificar perfis vinculados a governo. O propósito dessa marca é revelar para o usuário que aquela página é controlada por uma equipe de uma secretaria, ministério e demais órgãos governamentais.

A marca cinza indica que a conta representa uma instituição, um funcionário do governo ou uma organização multilateral. Esta última não tinha o significado muito claro para os brasileiros, mas agora foi mais esclarecido: altos funcionários, porta-vozes oficiais e contas institucionais.

Para ser uma instituição elegível ao selo cinza, segundo o Twitter, é preciso estar enquadrado em um dos critérios abaixo: resposta a crises nacionais e locais; segurança pública; aplicação da lei e agências reguladoras; embaixadas; outras grandes agências de nível nacional.

Pessoas ocupando cargos eletivos, como deputados e senadores, ou nomeados, como ministros e líderes diplomáticos de alto escalão, também receberão a marca.

Rótulos permanecem

A rede ainda aplicará os rótulos em perfis afiliados ao estado, como forma de fornecer contexto adicional. Assim, os veículos de mídia controlados por governos, como os sites RT, da Rússia, seguem com a faixa explicativa.

Os rótulos do governo ainda serão aplicados a contas fortemente envolvidas em geopolítica e diplomacia dos principais países onde o Twitter opera. Essa marcação será exibida no perfil da conta e abaixo do nome nos tuítes, visível para todos.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Tecnologia

HIV: Casos e mortes voltam a crescer entre homens no Brasil
Emoções positivas como gratidão são boas para a saúde do coração
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa