Sábado, 15 de Junho de 2024

Home Tecnologia WhatsApp não está bloqueado; vídeo sobre decisão pedindo suspensão do aplicativo é de 2015

Compartilhe esta notícia:

Circula no WhatsApp um vídeo indicando que o aplicativo sofrerá um bloqueio agora em 2022, com termos relacionados tendo aumento em buscas no Google. A mensagem alega que a medida seria uma forma de coibir a organização de algumas manifestações que ocorrem no Brasil desde segunda-feira passada (31), após os resultados das eleições brasileiras. Embora o conteúdo do vídeo seja verdadeiro, ele é datado de 2015 – portanto, é fake que esteja relacionado a algum bloqueio agora em 2022.

Agências de notícia entraram em contato com a assessoria de imprensa do WhatsApp para entender se há alguma decisão do judiciário que bloqueie o aplicativo neste ano. Em resposta, a assessoria do mensageiro respondeu que “a notícia é antiga” e que “não há nenhuma determinação judicial sobre isso recentemente” – ou seja, a mensagem de que o WhatsApp será bloqueado em 2022 é falsa.

A mensagem começou a circular no mensageiro após a divulgação do resultado das Eleições de 2022, que elegeu como presidente o candidato do Partido dos Trabalhadores (PT), Luiz Inácio Lula da Silva. Usuários que levaram a falsa notícia ao Twitter alegaram que a suposta medida seria uma forma de impedir a organização de manifestações contra a vitória de Lula – o que não é verdade, já que não houve pedido de bloqueio do WhatsApp pelo judiciário neste ano.

O vídeo em questão está relacionado a um bloqueio feito em 2015, quando o WhatsApp se recusou a compartilhar conversas consideradas importantes para um processo, descumprindo determinações judiciais. Na época, a 1ª Vara Criminal de São Bernardo solicitou que as operadoras de telefonia do Brasil – como Vivo, Oi, Claro e TIM – bloqueassem o mensageiro pelo período de 48h.

O Google Trends, ferramenta que monitora as principais buscas feitas no Google, indicou um aumento repentino em termos como “bloqueio do WhatsApp hoje” e “WhatsApp vai parar”. Vale frisar que o conteúdo do vídeo é legítimo, mas, porque se trata de uma notícia antiga, de sete anos atrás, a sua veiculação em 2022 é considerada fake. Assim, o WhatsApp não parou de funcionar nesta terça-feira (1) – pelo menos não por decisão judicial.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Tecnologia

Brasil é o país mais avançado da América Latina no uso de inteligência artificial
Amazon Music lança catálogo de 100 milhões de músicas sem anúncios para assinantes Prime
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa News