Terça-feira, 09 de Agosto de 2022

Home Inter Apesar de empate, Medina diz ter visto evolução no Inter: “Fomos protagonistas o jogo todo”

Compartilhe esta notícia:

O colorado bem que tentou, tentou e tentou. Porém, sofreu o empate e não conseguiu reverter o placar de 1 a 1 diante do Brasil de Pelotas, no Beira-Rio. Após a partida, o técnico Cacique Medina falou em entrevista coletiva analisando o desempenho de seus jogadores.

Um dos assuntos mais questionados na coletiva, foi sobre a utilização de Wesley Moraes. Jogador chegou da Bélgica como reforço colorado em 2022. Medina avaliou: “Estamos trabalhando. Ele ficou um tempo importante sem jogar, e estamos dando minutos para que ele se adapte. (…) Ele vai seguir crescendo. É normal nessas situações, onde o adversário esteja mais atrás, que ele tenha menos espaço”.

Gabriel mais uma vez recebeu chances como o treinador uruguaio. Mesmo substituído após o colorado levar o empate, o volante fez boa atuação. “Quando vimos o nome dele, gostamos muito. É um jogador muito intenso, que marca muito, ajuda na recuperação da bola. Hoje vimos seus primeiros minutos e eu gostei”, ressaltou Medina.

A partida foi marcada foi inúmeras interrupções do árbitro por conta de atendimentos médicos aos jogadores do Brasil de Pelotas, que valorizaram o empate. Medina deu sua opinião sobre as paradas: “Eu não gosto de falar sobre arbitragem, mas gostaria muito de ter um jogo mais contínuo, e acho que o árbitro, com muitas interrupções, acabou atrapalhando isso”.

D’Alessandro foi utilizado novamente como peça de solução na criação do meio-campo colorado. Medina, elogiou o capitão: “Ele está na parte final de sua carreira. Obviamente é um grande jogador, que ajuda muito o clube. Ele nos dá uma claridade maior quando entra no segundo tempo. É uma honra te-los conosco, e estamos desfrutando”.

Apesar do empate, a atuação coletiva do seu time agradou Medina. O uruguaio destacou o poder de evolução: “Hoje entendi que a equipe evoluiu. Fomos protagonistas o jogo todo. Mas precisamos crescer em algumas situações. Não acho que merecemos empatar no jogo de hoje”.

Porém, mesmo tendo ficado satisfeito com a forma que seu time pressionou o adversário e buscou o segundo gol, Medina ressaltou um ponto negativo, que não o preocupa: “Hoje o que nos faltou foi a finalização. Ter melhores opções dentro da área para conseguir o gol. O resultado não é o que gostaríamos, mas estou tranquilo pois acho que demos um passo à frente”.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Inter

Inter x Brasil de Pelotas: escalações, momentos, arbitragem e transmissão
No Passo D’Areia, D’Alessandro pode fazer história mais uma vez e bater recorde pelo Inter
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa