Sábado, 24 de Fevereiro de 2024

Home Mundo Dois dos maiores supermercados dos Estados Unidos anunciam acordo de fusão a US$ 25 bilhões

Compartilhe esta notícia:

A Kroger anunciou nesta sexta-feira (14) que planeja comprar a rede Albertsons, propondo um acordo de quase US$ 25 bilhões que pode mudar o setor de varejo dos EUA e afetar a forma como milhões de clientes compram seus mantimentos.

O acordo, que deve ser concluído em 2024, combinaria duas das maiores redes de supermercados do país e criaria uma gigante do setor que pode ameaçar leis antitruste.

As duas empresas têm um total de 710 mil trabalhadores – a maioria deles sindicalizados em um setor com baixas taxas de sindicalização – quase 5 mil lojas e mais de US$ 200 bilhões em vendas. As empresas dizem que atingem 85 milhões de lares.

O setor de varejo se consolidou nos últimos anos e a fusão daria às empresas maior escala para combater a concorrência da Amazon, Walmart e outros gigantes do varejo.

Os supermercados tradicionais foram pressionados por essas empresas e outras – redes de descontos como Dollar General e Aldi, clubes de armazém como Costco e mercearias online.

A fusão “acelera nossa posição como uma alternativa mais atraente para concorrentes maiores e não sindicalizados”, disse o CEO da Kroger, Rodney McMullen, em comunicado nesta sexta.

Se o acordo for concluído, será uma das maiores fusões da história do varejo dos EUA – superando a aquisição da Whole Foods pela Amazon em 2017 por US$ 13,7 bilhões.

A empresa se tornaria a terceira maior rede de varejo da América em vendas. Sua participação de mercado combinada no setor de supermercados de US$ 1,4 trilhão seria de 13,5%, de acordo com o Morgan Stanley, tornando-se o segundo maior supermercado atrás da participação de 15,5% do Walmart.

A medida também ocorre quando as empresas lutam contra custos mais altos e a inflação de alimentos atinge seu nível mais alto em décadas. Os preços nos supermercados continuaram a subir no mês passado.

O índice alimentação em casa, proxy dos preços de supermercado, aumentou 0,7% em setembro em relação ao mês anterior e 13% em relação ao ano passado.

Kroger disse que o acordo beneficiaria os consumidores e usará meio bilhão de dólares em economia de custos com a fusão para investir em preços mais baixos. A Albertsons é conhecida por ter preços mais altos que a Kroger e analistas dizem que a Kroger pode tentar baixar os preços da rede.

A Kroger comprará a Albertsons por US$ 34,10 por ação – um prêmio de cerca de 30% acima do preço médio das ações da rede de supermercados ao longo do mês passado.

As ações da Kroger caíram 5% no início do pregão de sexta-feira, enquanto as da Albertsons caíram 7%.

As duas empresas operam dezenas de cadeias de supermercados. Kroger opera Ralphs, Harris Teeter, Dillons, Fred Meyer e outros, enquanto Albertsons possui Safeway e Vons.

As empresas disseram que vão desmembrar quase 400 lojas para formar um novo rival em um esforço para obter autorização antitruste. Analistas esperam alguns fechamentos de lojas se o acordo for aprovado e também dizem que será um obstáculo significativo para passar pelo escrutínio antitruste.

 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Remédio para diabete pode reduzir em 22% o risco de demência, aponta estudo
Catar terá espaços destinados a quem ingerir bebida alcoolica a mais na Copa do Mundo
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa News