Quarta-feira, 17 de Julho de 2024

Home Brasil Energia solar já representa 11,6% da matriz no Brasil

Compartilhe esta notícia:

O Brasil ultrapassou a marca de 26 gigawatts (GW) de potência instalada na fonte solar fotovoltaica, somando as usinas de grande porte e os sistemas de geração própria de energia elétrica em telhados, fachadas e pequenos terrenos.

O número, equivalente a 11,6% da matriz elétrica instalada no País, foi divulgado pela Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar).

Mapeamento da entidade mostra que, em um ano, a energia solar cresceu aproximadamente 83%, saltando de 14,2 GW para os atuais 26 GW. Desde julho do ano passado, a fonte solar tem crescido, em média, 1 GW por mês. No segmento de geração própria de energia, são 18,1 GW de potência instalada da fonte solar. Isso equivale a cerca de R$ 92,1 bilhões em investimentos para a instalação do sistema.

Perspectivas

Segundo a Absolar, as perspectivas para a energia solar no Brasil são favoráveis. O país pode usar um dos maiores recursos solares do planeta para produzir hidrogênio verde (hidrogênio produzido sem combustíveis fósseis). Esse cenário, no entanto, depende da ampliação dos investimentos.

A associação cita estudo da consultoria Mckinsey, segundo o qual o Brasil precisará receber investimentos de US$ 200 bilhões até 2040 para ter uma nova matriz elétrica dedicada à produção de hidrogênio verde. Os recursos deverão ser aplicados nos seguintes itens: geração de eletricidade, linhas de transmissão, usinas de produção do combustível e estruturas associadas como portos, dutos e armazenagem.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Americanas propõe aporte de R$ 10 bilhões a credores
Câmara dos Deputados segue sem acordo sobre comandos de nove das 30 comissões permanentes
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Show de Notícias