Domingo, 21 de Abril de 2024

Home em foco Funeral da rainha Elizabeth II será dia 19 de setembro, confirma palácio

Compartilhe esta notícia:

Depois de dois dias de espera, o Palácio de Buckingham finalmente divulgou a programação oficial. Vai ser o primeiro com honras de Estado, no Reino Unido, desde a morte do ex-primeiro-ministro Winston Churchill, em 1965. O governo britânico decretou a data, uma segunda-feira, como feriado bancário e as negociações na Bolsa de Londres devem ser suspensas.

“O Funeral de Estado de Sua Majestade a Rainha acontecerá na Abadia de Westminster na segunda-feira, 19 de setembro, às 11:00 horas [no horário de Londres, 7h no horário de Brasília]. Antes do Funeral de Estado, a Rainha repousará em Westminster Hall por quatro dias, para permitir que o público preste suas homenagens”, diz o comunicado.

No domingo (11) de manhã, o caixão com o corpo da rainha vai sair do Castelo de Balmoral, onde Elizabeth II faleceu. O cortejo vai parar em três cidades (Ballater, Aberdeen e Dundee) para que os súditos possam prestar homenagens.

O trajeto de 260 km, que normalmente leva duas horas e meia, vai ser feito em seis horas, até chegar a Edimburgo. O caixão vai passar a noite na sala do trono do Palácio de Holyrood, a principal residência da Família Real na capital da Escócia.

Na segunda-feira (12) à tarde, um novo cortejo. Bem mais curto. O Rei Charles III vai seguir o caixão a pé, junto com os irmãos e o cunhado até a catedral de Saint Giles. A Família Real vai fazer uma vigília e o público, então, poderá se aproximar.

Na terça-feira (13), o caixão vai em um avião da Força Área Real para Londres. Primeiro para o Palácio de Buckingham.

Na quarta-feira (14), será o primeiro grande evento do funeral na capital britânica. O caixão vai ser levado em uma carruagem, que passará por pontos emblemáticos da cidade até o Westminster Hall, o prédio mais antigo do parlamento. Lá, o Arcebispo da Cantuária vai conduzir uma missa com a presença do rei e outros integrantes da Família Real.

Depois, os súditos vão ter quatro dias para dar um último adeus à rainha.

Na segunda-feira (19 de setembro), o caixão vai para a Abadia de Westminster, onde acontecerá o funeral de Estado. Além da Família Real, estarão presentes líderes políticos do mundo inteiro. Na sequência, o destino será o Castelo de Windsor, onde o corpo vai ser enterrado.

Coroação

Símbolo da monarquia em todo o mundo, Elizabeth II ocupou o trono por sete décadas e faleceu serenamente, segundo o comunicado oficial, na quinta (8), aos 96 anos, no Castelo de Balmoral. Dois dias antes, em sua última aparição, ela deu posse à nova primeira-ministra britânica, Liz Truss.

A morte deu início a uma série de protocolos e cerimônias oficiais da monarquia, que incluem o funeral da rainha e a oficialização do novo rei. Os eventos seguirão, no Reino Unido e em Estados associados a ele, como Canadá, Austrália e Jamaica, pelos próximos dias.

Nesse sábado, Charles III, 73 anos, foi proclamado rei em cerimônia no palácio de Saint James, em Londres. Assim como no primeiro discurso oficial no trono, no dia anterior, o monarca apontou buscou honrar o legado da mãe, a rainha Elizabeth II, a apontando como sua grande inspiração.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de em foco

“Se não falarmos em política hoje, não podemos amanhã falar em Deus”, diz Bolsonaro em culto evangélico
Neymar faz mais um gol em vitória sobre o Brest, e PSG passa a liderar o Campeonato Francês
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Show de Notícias