Sábado, 24 de Fevereiro de 2024

Home Copa do Mundo 22 Jornal espanhol diz que Zidane será técnico da seleção da França em 2023

Compartilhe esta notícia:

A França nem disputou sua primeira partida na Copa do Mundo do Catar e o treinador Didier Deschamps pode já ter seu substituto no banco. E seria um ex-companheiro de equipe dos tempos de jogador, que o ajudou a levantar a taça de campeão mundial em 1998. Segundo o jornal “Mundo Deportivo”, Zinedine Zidane já tem um princípio de acordo com a Federação Francesa de Futebol para assumir a seleção após a Copa.

E Zidane não deve ir sozinho. Segundo o veículo, o treinador levaria alguns membros da comissão técnica que trabalhou com ele no Real Madrid, incluindo David Bettoni, seu auxiliar e “braço direito”.

Autor de dois gols na final da Copa de 1998 e grande ídolo do futebol francês, Zidane não atua como treinador desde o encerramento da temporada 2020-21, quando fechou seu segundo ciclo à frente do Real. No clube espanhol, foi bicampeão espanhol, bicampeão mundial de clubes e tricampeão da Champions League.

E Zidane não deve ir sozinho. Segundo o veículo, o treinador levaria alguns membros da comissão técnica que trabalhou com ele no Real Madrid, incluindo David Bettoni, seu auxiliar e “braço direito”.

Autor de dois gols na final da Copa de 1998 e grande ídolo do futebol francês, Zidane não atua como treinador desde o encerramento da temporada 2020-21, quando fechou seu segundo ciclo à frente do Real. No clube espanhol, foi bicampeão espanhol, bicampeão mundial de clubes e tricampeão da Champions League.

Didier Deschamps está no comando da seleção francesa desde 2012. Antes da estreia na Copa, ele soma 132 jogos com a França, incluindo 84 vitórias, 26 empates e 22 derrotas. Conquistou o título mundial em 2018 e a UEFA Nations League em 2021, porém, viveu alguns momentos de turbulência, principalmente após a derrota para Portugal na final da Eurocopa 2016, disputada em Saint-Denis.

França na Copa

Deschamps, definiu seus 11 titulares para a partida contra a Austrália, nesta terça-feira (22), no Estádio Al-Janou , Al-Wakrah, pela primeira rodada do grupo D da Copa do Mundo 2022.

Após ver seu time se “esfacelar” nos últimos dias, perdendo titulares como Karim Benzema e Christopher Nkunku – além dos experientes Paul Pogba e N’Golo Kanté, que haviam sido descartados anteriormente -, Deschamps realizou treino fechado na segunda-feira (21) e montou a equipe que jogará contra os australianos.

Os Bleus estão no grupo D do Mundial, que ainda tem Dinamarca e Tunísia.

A equipe tricolor é atual campeã da Copa, após se sagrar campeã na Rússia, em 2018, e tentará ser a primeira seleção bicampeã desde o Brasil, em 1958-1962.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Copa do Mundo 22

Família de Tiago Silva compartilha o dia a dia no Catar
Messi e Cristiano Ronaldo ainda seduzem os torcedores e serão destaques na Copa do Catar
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde