Segunda-feira, 23 de Maio de 2022

Home Brasil Mais de 1 milhão de testes de covid foram realizados no Brasil em janeiro

Compartilhe esta notícia:

Mais de 1 milhão de testes antígenos para a detecção da covid-19 foram realizados entre 1º e 17 de janeiro, segundo levantamento da Associação Brasileira Redes Farmácias Drogaria (Abrafarma).

Dos 1.091.700 diagnósticos, 398.600 foram positivos. O dia com maior número de testes foi 14 de janeiro, com 94 mil e 37,3 positivos, correspondendo a 39,49%.

Já a data com mais infectados foi 17 de janeiro, com 42 mil em 92 mil testagens, sendo 45,21%.

A maior incidência foi em 16 de janeiro, com 45,51%: 22,9 mil positivados em 50,3 mil testados.

O recorte é feito diariamente. Entretanto, não há informações sobre em que Estado aconteceram as confirmações das infecções.

Confira orientações do Ministério da Saúde diante do diagnóstico de covid-19:

O Ministério da Saúde recomenda que diante de sintomas compatíveis com a covid, como febre, tosse, dor de garganta ou coriza, com ou sem falta de ar, as pessoas devem buscar atendimento médico.

— Use máscara o tempo todo;

— Se for preciso cozinhar, use máscara de proteção, cobrindo boca e nariz todo o tempo;

— Depois de usar o banheiro, limpe o vaso, mantendo a tampa fechada, higienize a pia e demais superfícies com álcool ou água sanitária. Sempre lave as mãos com água e sabão;

— Separar toalhas de banho, garfos, facas, colheres, copos e outros objetos para uso exclusivo;

— O lixo produzido precisa ser separado e descartado;

— Evite compartilhar sofás e cadeiras e realize limpeza e desinfecção frequente com água sanitária ou álcool 70%;

— Mantenha a janela aberta para circulação de ar do ambiente usado para isolamento e a porta fechada, limpe a maçaneta frequentemente com álcool 70% ou água sanitária;

— Caso o paciente não more sozinho, recomenda-se que os demais moradores da residência durmam em outro cômodo;

— Mantenha a distância mínima de 1,5 m entre a pessoa infectada e os demais moradores.

Autoteste

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) deve aprovar, nesta quarta-feira (19), o uso do autoteste da covid no Brasil.

Com a aprovação, qualquer pessoa poderá comprar um teste de antígeno em uma farmácia, coletar a própria amostra e identificar (ou não) a presença do coronavírus SARS-CoV-2. A expectativa é que os testes sejam mais baratos que os disponíveis no mercado.

A análise da Anvisa começou, após pedido do Ministério da Saúde, protocolado na última quinta (13). A ideia é que os autotestes possam aliviar a demanda do sistema de saúde. Isso porque, no momento, o Brasil enfrenta uma nova onda da covid, marcada pela variante ômicron.

Em nota técnica, a Saúde recomenda que a pessoa que testar positivo deve procurar “atendimento em uma Unidade de Saúde ou teleatendimento para confirmação de diagnóstico e orientações pelos profissionais de saúde pertinentes”.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

INSS faz alerta para evitar golpes: criminosos usam crédito consignado e prova de vida como iscas para tentar enganar aposentados
Quarta dose da vacina não é suficiente para impedir infecções pela ômicron
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa