Quinta-feira, 19 de Maio de 2022

Home Brasil Média móvel de casos de covid no Brasil passa de 75 mil

Compartilhe esta notícia:

O Brasil registrou nesta segunda-feira (17) 76.345 novos casos conhecidos de covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 23.083.297 diagnósticos confirmados desde o início da pandemia. Com isso, a média móvel de casos nos últimos 7 dias foi a 75.253 – a maior desde 24 de junho do ano passado (77.050).

Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de +662%, indicando tendência de alta nos casos da doença. Em seu pior momento, a curva da média móvel nacional de casos chegou à marca de 77.295 novos casos diários, no dia 23 de junho de 2021.

Mortes

O País também registrou 162 mortes pela covid nas últimas 24 horas, totalizando 621.261 óbitos desde o início da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes nos últimos 7 dias é de 160. Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de +66%, indicando tendência de alta nos óbitos decorrentes da doença.

Os números estão no novo levantamento do consórcio de veículos de imprensa sobre a situação da pandemia de coronavírus no Brasil. O balanço é feito a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde.

Curva de mortes

O Estado do Acre não divulgou novos dados de casos e mortes pela doença nesta segunda.

— Em alta (19 Estados): Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Piauí, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

— Em estabilidade (3 e o DF): Alagoas, Goiás, Roraima e Distrito Federal.

— Em queda (3): Paraíba, Pernambuco e Rio de Janeiro.

Vacinação

Os dados do consórcio de veículos de imprensa dessa segunda mostram que 147.308.222 pessoas estão totalmente imunizadas. Este número representa 68,57% da população. A dose de reforço foi aplicada em 35.685.983 pessoas, o que corresponde a 16,61% da população.

Um total de dez Estados não divulgaram dados da vacinação: Acre, Amapá, Goiás, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rondônia, Roraima, Santa Catarina e Tocantins.

Estados com maiores percentuais de totalmente imunizados (2ª dose + dose única): São Paulo (78,75%), Piauí (75,42%), Santa Catarina (74,67%), Minas Gerais (72,73%) e Rio Grande do Sul (72,33%).

Passaporte vacinal

Pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda aponta que 81% dos entrevistados são a favor da exigência do “passaporte de vacina” para que seja liberada a entrada em locais fechados como bares, restaurantes e órgãos públicos, entre outros. Ainda segundo o Datafolha, 18% são contra a exigência do comprovante e 1% não soube responder.

O chamado “passaporte” é o certificado que comprova que o cidadão já concluiu o esquema de vacinação contra a covid-19. No Brasil, o documento é emitido pelo ConecteSUS ou por sites e aplicativos estaduais. O presidente Jair Bolsonaro, que alega não ter se vacinado, é contra a exigência do passaporte, já adotado por diversos Estados do País.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Rio Grande do Sul se aproxima de 1,6 milhão de testes positivos para coronavírus desde o começo da pandemia. Mortes chegam a 36.533
Bolsonaro afirma que jogos de azar “não são bem-vindos no Brasil” e promete veto
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa News