Terça-feira, 23 de Abril de 2024

Home Rio Grande do Sul Ministério Público realiza operação contra supostas irregularidades na prefeitura de Canoas

Compartilhe esta notícia:

O MP (Ministério Público) do Rio Grande do Sul deflagrou, na manhã desta quinta-feira (31), a Operação Copa Livre para investigar supostas irregularidades na prefeitura de Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre.

A ação, que visa combater o desvio de recursos públicos, conta com o apoio do 1º Batalhão de Polícia de Choque da Brigada Militar. Estão sendo cumpridas 81 medidas cautelares contra 24 pessoas físicas e 15 empresas. Sete dessas empresas foram proibidas de contratar com o Poder Público, e seis pessoas, afastadas dos cargos.

Segundo o MP, essas medidas cautelares estão sendo cumpridas em endereços comerciais e residenciais, em instituições e órgãos públicos nas cidades de Canoas, Porto Alegre, São Paulo (SP), São Bernardo do Campo (SP), Barueri (SP), Santana do Parnaíba (SP), Nova Iguaçu (RJ), Niterói (RJ) e Contagem (MG).

Entre os alvos da ação, está a sede da prefeitura de Canoas. Segundo o MP, há uma “organização criminosa estruturada” no Executivo municipal.

 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Pagamento da parcela de março do programa Auxílio Brasil é concluído
Honestidade: diarista devolve mais de R$ 16 mil que recebeu por engano após jovem fazer Pix errado
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa