Quinta-feira, 18 de Julho de 2024

Home Política Na posse do novo procurador-geral da República, Lula diz que o Ministério Público “não pode achar que todo político é corrupto”

Compartilhe esta notícia:

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou, na manhã desta segunda-feira (18), da posse de Paulo Gonet como procurador-geral da República. Em discurso, o petista criticou o que chamou de “acusações levianas” e disse que o MP (Ministério Público) “não pode achar que todo político é corrupto”.

“A única coisa que eu peço a você, em nome do que você representará daqui para frente na história do País, é que você só tenha uma preocupação: fazer com que a verdade, e somente a verdade, prevaleça acima de quaisquer outros interesses. Trabalhe com aquilo que o povo espera do MP. As acusações levianas não fortalecem a democracia, não fortalecem as instituições. Muitas vezes, se destrói uma pessoa antes de dar a ela a chance de se defender”, disse Lula.

“E, quando as pessoas são provadas inocentes, essas pessoas não são reconhecidas publicamente. Então, é importante que o MP recupere aquilo que foi razão pela qual os constituintes enalteceram o MP: garantir a liberdade, a democracia, a verdade. Não permitir que nenhuma denúncia seja publicizada antes de se saber se é verdade. Porque senão as pessoas serão condenadas previamente. Muita gente não tem condições sequer de ser absolvida”, continuou o presidente.

Lula declarou ainda que “nenhum procurador tem direito de brincar” com a Procuradoria-Geral da República. “Dr Paulo, eu só queria lhe pedir uma coisa. O Ministério Público é uma instituição tão grande que nenhum procurador tem o direito de brincar com ela. O MP é de tamanha relevância para a sociedade brasileira e para o processo democrático desse País que um procurador não pode se submeter a um presidente da República, ao presidente da Câmara, ao presidente do Senado, não pode se submeter aos presidentes de outros Poderes, mas não pode se submeter à manchete de nenhum jornal ou de um canal de televisão”, prosseguiu o petista.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Política

Polícia Rodoviária Federal prende homem que dirigia carro com placas adulteradas com fita isolante no interior do RS
“Não buscamos palco nem holofote”, afirma Paulo Gonet ao assumir o comando da Procuradoria-Geral da República
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Show de Notícias