Terça-feira, 17 de Maio de 2022

Home Saúde O que é a bactéria no cérebro que deixou Paulinha Abelha em coma

Compartilhe esta notícia:

A cantora Paulinha Abelha, vocalista da banda Calcinha Preta, está em coma e foi diagnosticada com uma bactéria no cérebro, quadro conhecido como meningite.

A doença geralmente é transmitida de pessoa para pessoa, através das vias respiratórias, por gotículas e secreções do nariz e da garganta, pela ingestão de água e alimentos contaminados e contato com fezes de infectados.

Há pessoas que estão contaminadas e não adoecem, mas podem “carregar” as bactérias ou vírus e transmitir para outras pessoas.

Existem dois tipos de meningite, a bacteriana e a viral. De acordo com o Instituto Fernandes Figueira (IFF), da Fiocruz, a meningite é um processo inflamatório das meninges, membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal.

No Brasil, é considerada uma doença endêmica grave, ou seja, casos são esperados ao longo de todo o ano, mas as meningites bacterianas são mais comuns no inverno e as virais no verão.

Os sintomas variam, mas alguns deles são dor de cabeça, febre, rigidez do pescoço, náusea, vômito, mal estar, confusão mental e manchas vermelhas na pele.

Para as meningites virais, o tratamento é sintomático, enquanto no caso da bacteriana, é necessário o uso de antibióticos. Quanto mais cedo o paciente possuir o diagnóstico, maior a chance de sucesso do tratamento.

Tem vacina?

Existem vacinas para prevenir alguns tipos de meningites bacterianas, disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS). Para as virais, não há prevenção.

A vacina contra a meningite tipo C deve ser administrada nos primeiros meses de vida dos bebês: duas doses aos 3 e 5 meses de idade, e um reforço aos 12 meses.

Já a vacina Pneumocócica 10 valente (Pncc 10), que também previne a meningite bacteriana, deve ser aplicada duas doses aos 2 e 4 meses, e um reforço aos 12 meses.

Existem ainda vacinas para prevenir outros tipos de meningite, dos tipos A, B, Y e W 135, mas só estão disponíveis em clínicas particulares.

Cantora está na UTI

A cantora Paulinha Abelha, vocalista da banda de forró Calcinha Preta, relatou um mal-estar três dias antes de ser hospitalizada. A artista disse durante a gravação de um podcast que havia sentido vertigem e sensação de desmaio pouco antes de entrar no estúdio. Ela continua em coma na UTI de um hospital na cidade de Aracaju (SE) e seu quadro clínico é considerado estável.

Visita e orações

O cantor Bell Oliver, integrante do Calcinha Preta, fez uma visita para sua colega Paulinha Abelha na tarde deste sábado. Oliver demonstrou otimismo em relação ao quadro de saúde da amiga e pediu orações.

“Hoje visitei a nossa Paulinha, fiquei muito feliz, ela está bem desinchadinha, ela está bem linda como ela sempre foi. Passei 40 minutos com ela, os batimentos cardíacos normais, graças a Deus tudo andando e, em nome de Jesus, em breve ela vai sair de lá”, disse o artista, no Instagram.

Em seguida, Oliver convidou o público de Aracaju a participar de uma corrente de orações às 20h. E pediu para os fãs de outros lugares do Brasil que também façam suas preces no mesmo horário.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Saúde

Mulher pode ter se curado do HIV, e não foi pela fé
Pai tira internet de filhos e sem querer “desconecta” duas cidades da França
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde