Segunda-feira, 15 de Agosto de 2022

Home Flávio Pereira Pré-candidato do Novo, Ricardo Jobim afirma que Eduardo Leite “trata o Rio Grande do Sul como prêmio de consolação”

Compartilhe esta notícia:

O pré-candidato do NOVO ao Palácio Piratini reagiu ontem com declarações fortes ao lançamento da pré-candidatura de Eduardo Leite (PSDB) que, segundo ele, “vai contra a própria palavra do ex-governador, que afirmou, antes mesmo das eleições, que não pretendia ser reeleito como chefe do executivo gaúcho. Quanto vale a palavra empregada pelo gaúcho? Eu não fui criado dessa maneira. Vamos falar de ideias, não de pessoas”, reagiu Ricardo Jobim.

Para Jobim, “o Rio Grande do Sul e o povo gaúcho não devem ser encarados como um prêmio de consolação, após não ter sido escolhido como candidato à presidência nas prévias tucanas deste ano. Isso só mostra o quanto a vaidade cega mesmo as pessoas. O Rio Grande do Sul e a nossa gente não merecem ser tratados como prêmio de consolação por uma corrida frustrada ao Planalto é mais fácil quebrar uma promessa e um princípio do que perder as regalias de um cargo público”.

Eduardo Leite confirmou pré-candidatura

O ex-governador Eduardo Leite admitiu ter mudado de opinião em relação à reeleição e anunciou que aceitou o pedido do PSDB para que se seja o pré-candidato do partido a governador do Estado, cargo que ele deixou no último dia 31 de março. “Comunico hoje, aos gaúchos e gaúchas, que eu sou pré-candidato ao governo do Rio Grande do Sul”, afirmou Eduardo Leite. “Com muita humildade, eu aceito novamente o desafio de liderar o projeto.”

Comissão da Anistia nega pedido de Dilma Rousseff para pensão de R$ 10,7 mil

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos publicou, no Diário Oficial, uma portaria formalizando a rejeição ao pedido de anistia feita pela ex-presidente Dilma Rousseff ao governo federal, decisão do Conselho da Comissão de Anistia que, por unanimidade, negou em abril uma indenização mensal de R$ 10,7 mil pleiteada pela petista, que argumenta ter sofrido prejuízos trabalhistas durante a ditadura militar no país.

Dilma alega prejuízos trabalhistas após o período em que fez parte de ações de guerrilha integrando a Colina e a Var Palmares, organização que matou o soldado Mário Kozel Filho, de 18 anos, em junho de 1968. O seu grupo, a Vanguarda Popular Revolucionária, acelerou um carro-bomba, com vinte 20 quilos de dinamite, para dentro de um Quartel General em São Paulo, despedaçando o corpo do rapaz e ferindo mais seis militares, quando lutava pela implantação de uma ditadura comunista no Brasil, com instruções e armas vindas do regime de Fidel Castro em Cuba. O soldado foi apenas o primeiro dos oito assassinados pela VPR nos tempos de Dilma, e ainda haveria mais cinco pela VAR-Palmares e três pelo Colina, os outros dois grupos que ela integrou.

Gabriel Souza segue trabalhando

O deputado estadual Gabriel Souza mantinha-se ontem indiferente às pressões para que desista da candidatura ao governo do Estado. À tarde, comentou que “a construção do nosso plano de governo é uma prioridade. Eu e o coordenador do programa, o economista Gustavo Moraes, debatemos no início desta tarde, na sede estadual do MDB, melhorias para o mercado de trabalho, combate à desigualdade e qualificação dos gaúchos”.

Medalha do Mérito Farroupilha nesta terça-feira

Às 11h, no Teatro Dante Barone, o ex-jogador de futebol Andrés D’Alessandro recebe a Medalha do Mérito Farroupilha. A proposição é do deputado Juvir Costella (MDB).

Às 13h, no Salão Júlio de Castilhos, a Medalha do Mérito Farroupilha será entregue ao empresário Luiz Fernando Oderich, criador da Ong Brasil Sem Grades. A proposição é do deputado Dr. Thiago Duarte (União).

Homenagem ao Sindicato dos Engenheiros

Às 14h, no Plenário 20 de Setembro, a Assembleia Legislativa realiza sessão ordinária em formato presencial. O período do Grande Expediente será ocupado pelo deputado Elton Weber (PSB), que prestará homenagem aos 80 anos de fundação do Sindicato dos Engenheiros do Rio Grande do Sul.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Flávio Pereira

Preparado para a próxima maratona
MDB gaúcho não vai apoiar Eduardo Leite
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa