Sexta-feira, 01 de Julho de 2022

Home Economia Preço médio do óleo diesel atinge maior valor nominal da história

Compartilhe esta notícia:

O preço médio do óleo diesel no País chegou a R$ 6,943 e atingiu o maior valor nominal da série histórica, iniciada pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) em 2004.

O valor compreende o período de 15 a 21 de maio de 2022 e não considera os valores do óleo diesel S10, que foi incluído nos levantamentos da ANP somente a partir de 2013.

A diferença entre esses dois tipos de combustível está na quantidade de enxofre presente na composição. O óleo diesel S500 tem o teor máximo de enxofre permitido de 500 mg/kg, enquanto o S10 possui o teor máximo permitido de 10 mg/kg.

O diesel mais caro foi encontrado no Acre, a R$ 8,30. Já o mais barato foi encontrado no Paraná, a R$ 5,490.

O Ministério da Economia apresentou na semana passada ao Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) uma proposta para alterar a regulamentação do ICMS único do diesel, criado por lei em março deste ano e normatizado pelo colegiado, mas suspenso na semana passada por liminar do ministro do Supremo Tribunal Federal André Mendonça.

Pela proposta, o governo quer que, enquanto não ocorrer a mudança, a base de cálculo da alíquota atual seja a média móvel dos preços médios praticados ao consumidor final nos 60 meses (cinco anos) anteriores à sua fixação.

Antes da suspensão determinada pelo Supremo, a regra que estava valendo fixou um valor único do ICMS a ser cobrado no preço final do combustível, como manda a lei, mas permitindo descontos, o que na prática possibilitou a cada Estado manter a mesma alíquota que aplicava anteriormente. O valor estabelecido pelo colegiado de secretários estaduais foi de R$ 1,006 por litro de óleo diesel S10, o mais usado no País.

Gasolina e etanol

Os preços da gasolina e do etanol caíram na última semana no Brasil, após semanas seguidas de recorde, mas a competitividade segue desfavorável ao biocombustível, segundo levantamento semanal da ANP finalizado no último sábado (21) no País.

O etanol segue com competitividade nos Estados de Goiás (66,96%) e Mato Grosso (67,93%) acompanhando a maior oferta de etanol. Em todo o Brasil, a paridade ficou em 71,81%, sobre 72,94% na semana anterior. Considera-se 70% como o percentual limite vantajoso para uso do etanol ante a gasolina.

O etanol no Brasil ficou na média de R$ 5,224 o litro, com queda de 1,86% ante a semana anterior, sobre R$ 7,275/l da gasolina. O recuo de preço do biocombustível ocorreu em 19 Estados e no Distrito Federal, mas houve alta em outros sete entes federados.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Economia

Mesmo em guerra, Rússia é o quinto país que mais exporta ao Brasil
INSS retoma perícia após fim da greve de médicos; paralisação foi de quase dois meses
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde