Sexta-feira, 19 de Agosto de 2022

Home Rio Grande do Sul Primeiro final de semana do Festiqueijo 2022 bate recorde de público

Compartilhe esta notícia:

O primeiro final de semana da 31ª edição do Festiqueijo encheu os olhos de moradores de Carlos Barbosa e de turistas que estiveram na Capital Brasileira do Futsal, terra do queijo e da faca. Foram 4.100 visitantes nos três primeiros dias de Festival. Após dois anos sem o evento presencial, a alegria tomou conta do Salão Paroquial da Igreja Matriz, da Vila das Etnias e da feira “Feito em Barbosa”. O Festival gastronômico mais gostoso da Serra Gaúcha proporcionou as mais diversas experiências e surpreendeu tanto aqueles que já frequentaram edições anteriores como quem esteve pela primeira vez. Para o próximo final de semana, a agenda ganha o incremento do Pedal do Festiqueijo (09) e a Olimpíada Colonial (10).

O Presidente do 31º Festiqueijo, Cláudio Chies, comemora o resultado do primeiro final de semana. “Nunca na história do Festiqueijo alcançamos este número de pessoas no primeiro final de semana, o que nos motiva ainda mais e nos leva a crer que atingiremos nossa meta de atrair 30 mil visitantes.” Os próximos quatro finais de semana, sempre nas sextas, sábados e domingos, prometem ser ainda mais movimentados. Até agora, foram recebidas mais de 30 excursões dos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, e também visitantes de Minas Gerais, Paraná e São Paulo.

Além dos 23 expositores – 10 queijarias, nove vinícolas e espaços variedades – que oferecem uma seleção de seus melhores produtos, que inclui 40 tipos de queijos, 30 rótulos de vinhos e 25 de espumantes, um banquete servido, ininterruptamente, no centro do Salão Paroquial, reuniu o melhor da gastronomia com a tradicional polenta brustolada com queijo, copa e salame, espetinho de frango e queijo coalho, pizza, galeto, salsichão, pastel e bolinho de queijo, pão de queijo, fondue, churros de doce de leite, croissant de goiaba, sorvetes e iogurtes, além de muitos lançamentos. São mais de 90 atrações nos dois palcos – Salão Festiqueijo e Vila das Etnias.



Fotos: Lynkon Mollossi

Para quem quiser curtir o Festival de maneira ainda mais privilegiada, pode optar pela Área Vip, que neste ano chega de forma inédita, com garçons e espaço para sentar. O projeto segue o exemplo de um mezanino com capacidade para 115 pessoas, com serviço diferenciado, assim como uma ambientação temática.

Atrações com acesso gratuito

Na área externa, com acesso gratuito, o visitante pode conferir a Vila das Etnias com produtos e shows típicos e a feira “Feito em Barbosa” com 100% de produção local. A Vila das Etnias, aprovada pelo público, chega para homenagear as 11 etnias que ajudaram a formar a população da cidade. As principais são as predominantes alemã e italiana, além da polonesa e suíça, cujos berços das imigrações no Rio Grande do Sul são na cidade. Pela sua representatividade, elas ganharam casas individuais na Vila das Etnias, instalada na Rua Coberta, ao lado do Festiqueijo. Uma quinta casa abriga conteúdos históricos, artísticos e culturais das etnias francesa, holandesa, espanhola, austríaca, ucraniana, luso-brasileira e de matriz africana, também presentes na localidade.

Quem circula pelo local pode apreciar hábitos e costumes, além de objetos preparados por associações que atuam na preservação de suas tradições. Exposição de fotos e objetos antigos, performances de trabalhos manuais típicos e uma agenda de shows de música e dança em um palco exclusivo para a novidade fazem parte da programação. Ali, também está instalado o varejo de produtos do Festiqueijo, assim como um forno à lenha onde o pão colonial é assado e comercializado aos visitantes. Entre os produtos típicos que cada casa oferece estão, ainda, uma oficina de capeletti, cucas, chopp, pierogi, Les Merveilles (grostoli suíço) e trufas de chocolate.

Outra atração externa e paralela ao Festiqueijo é o ‘Feito em Barbosa’. Instalada no Pavilhão da Tramontina, ao lado da Rua Coberta, a feira tem 28 expositores. Os produtos, exclusivamente locais, são dos setores do vestuário, acessórios, papelaria, brinquedos, artesanato, alimentação, entre outras opções. A entrada é gratuita e acontece nos mesmos dias e horários do Festiqueijo, de sextas a domingos, até 31 de julho.

Olimpíada Colonial

Devido às condições climáticas, a Olimpíada Colonial foi transferida para o dia 10 de julho, das 9h30 às 17h, no Parque da Estação – mais uma atração aberta a todos que desejam acompanhar provas como Cabo de Guerra, Debulhar o Milho, Prova do Ovo, Transportar o Leite, Cuccagna, Corrida de Carriola e Revezamento de Salame. Também haverá uma prova surpresa, além do Desfile de Carros Alegóricos programado para às 16h30.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Primeiro final de semana da Festiqueijo 2022 bate recorde de público
Casa Verônica: UFSM apresenta espaço voltado a vítimas de violência de gênero
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde