Quarta-feira, 01 de Dezembro de 2021

Home Cláudio Pimentel Senado pode afastar Davi Alcolumbre ou ignorá-lo

Compartilhe esta notícia:

A paciência dos senadores com Davi Alcolumbre (DEM-AP) parece ter chegado ao fim e os caminhos mais prováveis vão desde afastamento da presidência da CCJ até a exclusão como membro do DEM, na comissão. O senador Lasier Martins (Podemos-RS) queria ir além e apresentar notícia crime à PGR porque “ninguém mais tem paciência com as protelações, com a inércia”, e não apenas no caso da sabatina de André Mendonça.

Senador preguiça
Lasier acusa Alcolumbre: não gosta de trabalhar. “A CCJ teve apenas 3 sessões deliberativas, enquanto as demais tiveram 10,15, 20 sessões”.

Efeito Onyx
Além da renúncia ou do afastamento da presidência da CCJ, o DEM pode excluir Davi Alcolumbre como membro do partido na comissão.

Rachadinha milionária
Pesa sobre Alcolumbre também a denúncia de ex-assessoras que dizem ter sido contratadas por até R$ 14 mil, mas recebiam apenas R$ 1.350.

Ócio é mais forte
Mesmo com toda repercussão e pressão dos senadores, Alcolumbre não dá prazo para sabatina. “Tudo parado, tudo parado”, diz o inerte senador.

Brasil entra para seleto grupo de 60% de imunizados
O Brasil entrará na semana que vem para o seleto grupo de países com mais de 60% da população imunizada, em sua maior parte, nações com pouca população. Entre países com mais de 100 milhões de habitantes, o Brasil fica atrás apenas de China e Japão na proporção de imunizados, mas à frente de grandes produtores de vacina como EUA, Rússia e Índia, além do México, graças às quase 1,5 milhão de doses aplicadas por dia.

Disparada
O ritmo acelerado levou o Brasil a 76% da população vacinada com ao menos uma dose, superando, além dos EUA, Alemanha e Reino Unido.

Rumo aos 300
Ao todo, o Brasil aplicou cerca de 294 milhões de doses em 162 milhões de pessoas, equivalente a toda a população adulta do País.

Entre os maiores
Enquanto Índia e China, com quase 3 bilhões de habitantes, lideram o ranking de vacinação no mundo, Brasil e Indonésia se revezam em 3º.

Um sol para cada
Valores injustos da conta de luz levaram à corrida por sistemas solares. Segundo a Absolar, houve alta de 53% na instalação de geração fotovoltaica só este ano. Mas o pior é que, contrariando regra básica do capitalismo, o aumento da demanda gerou também aumento de preços.

‘Extrema direita’ ao centro
O jornal americano The New York Times noticiou a definição pelo Partido Liberal (PL) do presidente Jair Bolsonaro, a quem se refere sempre como “extrema direita”, como uma “filiação a partido centrista”.

Por fora
As assessorias de comunicação da Câmara dos Deputados e do Senado disseram não saber se seus chefes, Arthur Lira e Rodrigo Pacheco, pegaram um jato da Força Aérea para viajar à Europa por nossa conta.

Que vergonha
A senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), cuja voz estridente se ouvia na CPI, é alvo da operação policial Tanque Furado, pelo exagerado consumo de combustível, por nossa conta, em seu gabinete.

Boa ideia
Projeto de Gonzaga Patriota (PSB-PE) impede que tomem posse em cargo público e participem de licitação, ou de contrato público, pessoas condenadas por crimes de violência doméstica, ou sob medida cautelar.

Missão: atrapalhar
Na Câmara, parlamentares de oposição já marcaram uma “discussão sobre denúncias” da venda da Petrobras, como se houvesse outra solução. Esses políticos estão a serviço da pelegada sindical do setor.

Finalmente
Ainda há pouco mais de 19 milhões de casos ativos do coronavírus em todo o mundo. São 18,99 milhões de casos moderados e apenas 77 mil casos considerados “sérios ou graves”.

Não é coincidência
A CCJ do Senado, cujo presidente está há três meses sentado sobre a indicação do próximo ministro do STF, marcou a votação de 14 projetos para esta semana. Quase todos são de senadores de oposição.

Pensando bem…
… de tanto buscar o tapetão do STF, já tem partido apelidado de “Fluminense” no Congresso.

PODER SEM PUDOR

Desafio de araque
Coronel Chico Heráclito, o ACM do seu tempo, também sabia jogar pesado naquele Pernambuco dos anos 1960. Certa vez, reza a lenda, ele foi desafiado para um duelo pelo valente líder das Ligas Camponesas, Francisco Julião. Chico Heráclito disse que aceitava o confronto, mas impôs: “O local será em Limoeiro e as armas serão estas: eu entro com as patas, e o Julião com os chifres!”

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Cláudio Pimentel

Deixe seu comentário
Pode te interessar

sem nada para mostrar

Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde