Domingo, 07 de Agosto de 2022

Home Comportamento As cinco linguagens do amor: saiba quais são elas

Compartilhe esta notícia:

Nos últimos tempos, testes para descobrir “qual é a sua linguagem do amor” ficaram bem famosos. Neles, basta responder algumas perguntas contando suas preferências em determinadas situações para minutos depois conferir qual linguagem te representa.

E se você está se perguntando o que são as cinco linguagens do amor, aqui vai à resposta: são as formas como as pessoas amam ou gostariam de ser amadas! Assim, segundo o psicólogo Alexander Bez, especialista em relacionamentos, o principal objetivo em compreender esse estudo e descobrir qual é o seu modo de amar é a melhoria nas relações conjugais.

“É importante saber que todos os indivíduos possuem as cinco linguagens do amor dentro de si, mas existe uma que se destaca mais e outra que é menos importante. Além disso, a linguagem que faz você se sentir amado, não é necessariamente a que você expressa para o seu cônjuge. E ainda, a maneira com que você lida com amor pode estar relacionada a crenças, com a forma que você era tratado quando era criança”, destaca.

Quais são elas?

As 5 linguagens do amor são: “Palavras de afirmação”, “Tempo de qualidade”, “Presentes”, “Atos de serviços” e “Toque físico”. A seguir, Bez explica cada uma delas:

Palavras de afirmação

A primeira fala sobre a comunicação do casal e explora o escutar e um falar desde que seja sempre positivo. Ou seja, vocês devem se comunicar com uma linguagem fácil, descomplicada e sobretudo afirmativa. Quem tem as palavras de afirmação como forma de amar, precisa que suas atitudes sejam validadas pelo parceiro através de frases encorajadoras, como “isso vai dar certo”, por exemplo. Logo, quando não há opinião ou concordância com seu plano, a pessoa dessa linguagem não se sente amada.

Tempo de qualidade

Já a segunda mostra a importância da qualidade investida na comunicação e no tempo com a pessoa amada, porque isso revela interesse e leva ao bom entrosamento. Assim, o ideal é não haver interrupções nos momentos a dois, mantendo o foco no assunto tratado para torná-los mais especiais. Quem tem essa linguagem valoriza o tempo que você dedica a ela.

Presentes

Na terceira, os grandes resultados provêm das pequenas ações, viu? Dessa forma, esse “presente” é, na verdade, um pedaço do seu sentimento materializado — e isso não significa gastar muito, pode ser um coração desenhado ou uma cartinha, por exemplo. Ainda nessa linguagem, outra interpretação da palavra é possível: presente no sentido de presente, dando atenção à pessoa amada, presenteando a própria relação.

Atos de serviço

Enquanto a quarta se trata de algo fundamental em qualquer relação atual: a ajuda no dia a dia. Essa linguagem se constitui pela intenção positiva e realização de tarefas que ajudem o parceiro e a relação. Alguns exemplos disso são o compartilhamento de obrigações domésticas, um café da manhã na cama e até mesmo “estar ali” disponível para prestar serviço. Por isso, quem ama desse modo também se sente amado quando o parceiro demonstra cuidado.

Toque físico

A quinta e última é a exploração verdadeira de transmitir carinho, afeto e amor de um jeito que vai além do verbal. Para isso, é preciso fazer da intimidade a prioridade nesse momento com o cônjuge. Nessa linguagem, a pessoa se sente amada ao ser tocada.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Comportamento

Festival de Cinema de Cannes está se preparando para a edição de aniversário de 75 anos
Atriz de “Doutor Estranho” e marido são presos por abuso sexual infantil
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa News