Terça-feira, 24 de Maio de 2022

Home Porto Alegre Confirmado mais sete casos de dengue em Porto Alegre

Compartilhe esta notícia:

A DVS (Diretoria de Vigilância em Saúde) confirmou nesta sexta-feira (4) mais sete casos de dengue em Porto Alegre, sendo seis deles autóctones (contraídos na cidade) e um importado. Os casos são de moradores dos bairros Lomba do Pinheiro, Aberta dos Morros, São José, Partenon, Bom Jesus, Jardim Carvalho e Vila Nova. Com isso, a Capital já soma, em 2022, 11 casos da doença, que é transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypti.

Ao longo da próxima semana, agentes de combate a endemias da Secretaria Municipal de Saúde visitarão as regiões dos casos confirmados para orientar a população diante da circulação viral, fazer busca ativa de outros casos suspeitos da doença ou de pessoas com sintomas compatíveis com a dengue, além de fazer a remoção mecânica de criadouros de mosquitos.

Na semana passada, a Equipe de Vigilância de Doenças Transmissíveis emitiu alerta epidemiológico à rede de serviços de saúde de Porto Alegre devido ao aumento dos casos autóctones de dengue na cidade. Em todo o ano passado, foram confirmados em Porto Alegre 83 casos de dengue, sendo 65 autóctones e 18 importados.

Prevenção

Como as temperaturas estão mais elevadas e com período de férias e de viagens, é importante incrementar as medidas de controle do vetor, dentre elas verificação e eliminação de água parada em pátios, calhas, ralos, além de descarte de resíduos inservíveis, entre outras – antes da viagem e após o retorno à cidade. “Essencial ter olhos atentos para qualquer objeto que possa acumular água neste momento, pois uma limpeza correta resulta na retirada de ovos do mosquito nos recipientes”, destaca o diretor da Vigilância em Saúde municipal, Fernando Ritter.

Sintomas

A dengue pode manifestar quadros leves com vários sintomas, além de ser uma doença dinâmica, que pode evoluir para casos com maior gravidade. Os sintomas mais comuns são febre alta de início súbito, com duração máxima de sete dias, acompanhada de pelo menos duas das seguintes manifestações: dor de cabeça, dor atrás dos olhos, dor muscular, dor nas articulações, manchas vermelhas na pele, erupções na pele, náuseas, vômitos e prostração.

No aparecimento desses sintomas, é importante procurar atendimento em um serviço de saúde para avaliação.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Porto Alegre

Campanha brasileira busca eliminar preconceitos em relação à obesidade
Ministério da Saúde cancelou contrato com Ucrânia para produção de insulina nacional
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Bom Dia