Quarta-feira, 24 de Julho de 2024

Home Rio Grande do Sul Ordem de serviço para pavimentação da Estrada do Palmital, em Osório, no Litoral Norte gaúcho, é assinada

Compartilhe esta notícia:

O vice-governador Gabriel Souza assinou, na manhã desta segunda-feira (24), a ordem de serviço para pavimentação da Estrada do Palmital, em Osório, no Litoral Norte gaúcho.

A cerimônia de formalização da obra ocorreu no gabinete do prefeito Roger Caputi e representa um investimento de R$ 2,4 milhões – sendo R$ 1,9 milhão do governo do Estado e R$ 480 mil de contrapartida da gestão municipal. Na ocasião, também foi assinado o protocolo de intenções para que a prefeitura assuma a gestão do Hospital São Vicente de Paulo.

Cerca de 1,5 quilômetro da via, que faz a ligação com a RS-389, conhecida como Estrada do Mar, será asfaltado com recursos do programa Pavimenta, conduzido pela Sedur (Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano).

“Essa obra é de relevância regional, pois liga uma comunidade importante a uma das principais rodovias do Litoral Norte, por onde passam milhares de pessoas”, disse Gabriel no evento, que também teve a presença do assessor da Sedur Paulo Silveira.

O vice-governador também destacou os esforços do Estado para manter o cronograma de obras e melhorias previstas para todo o Rio Grande do Sul. “Estamos atuando principalmente na frente emergencial pós-enchentes e, ao mesmo tempo, buscando seguir com o trabalho que precisa ser feito em regiões menos afetadas, até mesmo para retomar e impulsionar nossa economia”, pontuou o vice-governador, que autorizou em dezembro do ano passado a suplementação orçamentária para a obra da Estrada do Palmital, aguardada há décadas pela comunidade local.

O prefeito agradeceu o trabalho conjunto pelo desenvolvimento de Osório. “Será mais uma grande obra em execução que se soma ao nosso programa Acelera Osório. São resultados de esforços compartilhados com o governo do Estado que vão contribuir para a reorganização da cidade”, afirmou.

Administração do hospital

Também foi assinado o protocolo de intenções para que a prefeitura assuma a gestão do Hospital São Vicente de Paulo, que atualmente está sob intervenção do Estado. O documento prevê as providências administrativas para dar sequência ao processo de desapropriação da casa de saúde.

“Seguiremos apoiando o município para garantir a eficiência dos serviços e, também, a ampliação de especialidades oferecidas – como a oncologia, uma grande demanda da região”, garantiu Gabriel.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Empresa inicia recolhimento de resíduos dos bota-espera em Porto Alegre
São Borja terá entreposto da Zona Franca de Manaus
Deixe seu comentário
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Atualidades Pampa