Segunda-feira, 04 de Julho de 2022

Home TV Veja 10 séries famosas da Netflix que não são unanimidade entre o público

Compartilhe esta notícia:

Conhecida principalmente por sucessos como Stranger Things, Orange is the New Black, La Casa de Papel, Sex Education e Round 6, a Netflix se tornou uma das plataformas de streaming mais assinadas do mundo, sobretudo por seu pioneirismo no setor de entretenimento contemporâneo.

Apesar disso, algumas de suas produções, que no geral são criadas para agradar todos os tipos de público, acabaram sendo divisivas e gerando muitas discussões na internet.

Dessa forma, confira uma lista com algumas obras que não conseguiram conquistar todos os espectadores, apesar de terem ficado bem conhecidas.

Fate: A Saga Winx

Lançada em 2021 com a promessa de fornecer nostalgia ao público, apesar de conseguir bons índices de visualizações em seus primeiros dias, essa série parece não ter caído no gosto popular como um todo.

Isso se deve, principalmente, por conta da irregularidade da trama, que parece confusa e repleta de clichês em todos os níveis.

Sombra e Ossos

Havia muita expectativa em torno da estreia de Sombra e Ossos, sobretudo porque tratava-se de uma adaptação da distopia literária de mesmo nome escrita por Leigh Bardugo.

Contudo, apesar do grande investimento por parte da Netflix, a recepção do público foi morna e só se consolidou depois de algum tempo disponível. Mesmo assim, o universo criado pela escritora parece ser bastante chamativo e tem grande potencial para ser melhor desenvolvido no futuro na plataforma.

Bridgerton

Embora Shonda Rhimes estivesse no comando e o sucesso tenha sido instantâneo, tornando-se uma das produções mais assistidas do streaming até aquele ponto, o fato é que o público de Bridgerton se dividiu bastante.

Há quem ame tudo aquilo que foi apresentado pela série e também há quem odeie ou tenha se sentido em conto de fadas inverossímil. Renovada para mais temporadas, a ideia é que cada leva de episódios seja focada em um novo membro da família, o que também desagradou alguns fãs.

13 Reasons Why

Houve muito protesto durante a continuidade do lançamento de 13 Reasons Why, sobretudo por sua temática controversa. Na trama, é abordado um caso de suicídio, no qual a vítima deixa diversas fitas que atestam seu sofrimento e os motivos que a levaram a cometer esse ato.

O grafismo da cena do suicídio e as inúmeras sequências de violência sexual chocaram os assinantes, causando uma grande polêmica sobre a exibição desse tipo de conteúdo.

Cidade Invisível

De certa forma, o mercado internacional gostou muito do que Cidade Invisível tinha a oferecer. Trazendo elementos do folclore brasileiro, a série se tornou uma das mais assistidas da Netflix na época de seu lançamento.

No entanto, a comunidade indígena se sentiu ofendida pela representação de certas entidades de sua mitologia/religião, algo que foi abraçado por boa parte do público também quando se leva em consideração que não há nenhum indígena no elenco.

Ginny & Georgia

Vista pelo público como uma nova versão de Gilmore Girls, a série Ginny & Georgia não atingiu tantos números quanto o esperado pela plataforma de streaming.

Apesar de possuir um enredo consistente e cheio de possibilidades criativas, muitas pessoas se sentiram traídas com a ideia de que a produção não levantaria algumas questões presentes no seriado de Amy Sherman-Palladino. Esse problema de expectativa dividiu o público de um jeito inesperado.

The Sinner

Depois do lançamento da 1ª temporada de The Sinner, os espectadores se viram diante de uma série robusta, com inúmeros mistérios e conflitos interessantes.

Apesar disso, por consistir em um projeto antológico, no qual novas histórias fechadas são desenvolvidas a cada temporada, há muitos fãs que detestaram os novos enredos apresentados no desenrolar dos episódios.

Dark

Nessa série alemã, os roteiristas tiveram a grande capacidade de brincar com o público de um jeito surpreendente, pois há muitos personagens que vêm e vão, além de uma linha do tempo que transita livremente em tela.

Consistindo um verdadeiro quebra-cabeça, Dark não é para qualquer um, pois há pessoas que detestaram todos os mistérios instituídos pela trama, junto da sensação de não estarem entendendo o que estava acontecendo durante os episódios. Apesar disso, é uma das séries mais célebres da Netflix.

Sense8

Com um orçamento milionário e duas cineastas com um repertório de peso, Sense8 não poderia dar errado. Mas conforme o tempo foi passando, a gigante do streaming percebeu que o investimento não estava valendo tanto a pena.

Embora a 1ª temporada tenha conquistado boa parte do público, na 2ª temporada muitos não retornaram para conferir os novos episódios. Dessa maneira, a série foi encerrada oficialmente.

Emily in Paris

Para fechar a lista, é preciso falar de Emily in Paris, que tornou-se muito odiada por alguns espectadores com o passar do tempo. Os roteiros da série foram construídos em cima de muitos clichês, algo que, ainda assim, cativou parte da audiência, de alguma forma.

Porém, as indicações recebidas em algumas premiações importantes fizeram com que muitos julgassem a produção como desqualificada.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de TV

Ator é sentenciado a 5 meses de prisão por fingir ataque racista e homofóbico
Vincent Van Gogh: a história do pintos holandês que produziu quase 900 telas em menos de 10 anos
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde