Segunda-feira, 29 de Novembro de 2021

Home Mundo Pequim, na China, fecha centro comercial e complexos residenciais após casos de coronavírus

Compartilhe esta notícia:

Pequim decretou o fechamento de um importante centro comercial e o confinamento de vários complexos residenciais nesta quinta-feira (11), em resposta a um recente foco de Covid-19 na capital da China.

Embora o nível de infecções seja muito reduzido na comparação com a maioria dos países do mundo, a China adota uma estratégia de tolerância zero com o vírus, com a imposição de severas restrições e testes em larga escala quando alguns casos são detectados.

Na capital do país, onde acontece uma sessão plenária do Comitê Central do Partido Comunista, foram registrados seis novos casos nos distritos centrais de Chaoyang e Haidian, informou a imprensa local.

Todos estão vinculados a contatos de pessoas infectadas recentemente na província de Jilin (nordeste). O centro comercial Raffles City, no centro da capital, foi fechado na quarta-feira à noite, depois que um contato próximo de uma pessoa infectada visitou o local, informou o jornal Beijing Youth Daily.

As saídas foram bloqueadas e trabalhadores e clientes só deixaram o local depois que foram submetidos a um teste de detecção do coronavírus. O centro comercial permanecia fechado nesta quinta-feira.

Além disso, quatro complexos residenciais, uma escola do ensino básico e um prédio comercial entraram em confinamento nesta quinta-feira, com dezenas de milhares de pessoas impedidas de sair e forçadas a passar por exames.

A imprensa local exibiu imagens de funcionários com trajes de proteção nas áreas confinadas. Eles entregaram alimentos aos moradores bloqueados. Enquanto outros países flexibilizam as medidas contra a Covid-19, a China mantém a estratégia para tentar erradicar completamente a doença, com medidas rígidas e restrições à mobilidade.

A última onda de casos provocou o confinamento de milhões de pessoas e a limitação dos deslocamentos internos, com vários voos e viagens de trens cancelados.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Altas da taxa Selic e da inflação impactam a compra e venda de imóveis
Rio Grande do Sul tem redução de 31,8% nos homicídios em outubro
Deixe seu comentário
Pode te interessar
Baixe o app da RÁDIO Pampa App Store Google Play

No Ar: Pampa Na Tarde